Universidade La Salle
Product ID: 46
Product SKU: 46
New In stock />
Liberais Rio-Grandenses: Imprensa e eleições no Rio Grande do Sul do século XIX

Liberais Rio-Grandenses: Imprensa e eleições no Rio Grande do Sul do século XIX

Destaque

Marca: Universidade La SalleDisponibilidade: Imediata Referência: Editora Unilasalle


Por:
R$ 30,00

ou 2x de R$ 15,45 com juros
Simulador de Frete
- Calcular frete
Prazo de envio: em até três (03) dias úteis depois da confirmação do pagamento + prazo dos Correios.

Liberais Rio-Grandenses: Imprensa e eleições no Rio Grande do Sul do século XIX

Artur Cesar Isaia

Ano: 2017

Formato: Impresso, 16 x 23 cm, 128 páginas.

ISBN: 978-85-89177-56-6

O texto que ora publico foi escrito há algumas décadas. Mas precisamente em 1988, como requisito para obtenção do grau de Mestre em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. O lapso de tempo transcorrido entre a sua escrita e a sua publicação merece algumas considerações, as quais penso que se faltando neste livro, tornariam incompleta a sua compreensão e, talvez não clara a sua recepção pelo público leitor. Por ocasião da sua escrita, a pesquisa sobre o posicionamento da imprensa liberal rio-grandense frente à questão eleitoral não representava para mim uma simples imposição acadêmica e um imperativo profissional. A discussão sobre as singularidades do jogo político em uma província na qual o arranjo do poder imperial tinha que se compor com uma elite que revelava interesses não de todo atendidos pelo arcabouço institucional monárquico interessava-me há muito tempo. Muito antes da elaboração desta pesquisa e mesmo da minha formação acadêmica, indagava-me sobre a atuação política da figura do “tribuno” Gaspar Silveira Martins e do exercício do seu poder. Indagava-me, igualmente, sobre a longevidade de suas propostas políticas, que longe estavam de ser sepultadas com o 1889; também sobre a forma como os princípios liberais eram lidos e colocados como referenciais políticos por parte da fração da elite latifundiária gaúcha abrigada sob o personalismo do “tribuno”. Estas indagações tomaram forma definitiva ao tentar compreendê-las, articulando-as às propostas liberais frente à problemática eleitoral-representativa, questão fundamental para a manutenção do seu status quo.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

    Confira os produtos